O abdome é uma das partes do corpo que mais preocupa a maioria das mulheres, principalmente as que gostam de se cuidar e apresentar uma boa aparência física, independente da idade. O fortalecimento do abdome, conhecido como ginástica hipopressiva foi criada na década de 50 pelo fisioterapeuta belga Dr. Marcel Caufriez. Amplamente praticada por modelos e celebridades, sucesso na Europa, a técnica é recém chegada ao Brasil.

As posturas são focadas na região abdominal associadas com a respiração, durante os exercícios que aumentam a eficiência de contração abdominal, a pressão intra-abdominal se mantém baixa, o que protege a coluna, e em poucas semanas já é possível perceber o abdome mais definido e, sem os exaustivos abdominais tradicionais! Mas a técnica não só para modelar a barriga e a cintura, conheça todos os benefícios da ginástica hipopressiva:

Melhora da postura: Assim como o Pilates, todos os exercícios da ginástica hipopressiva exigem o alinhamento adequado, as posturas mantidas reduzem os 5 lados da escoliose, hiperlordose ou hipercifose e também melhora a retificação da coluna. Turmas reduzidas e o acompanhamento por fisioterapeutas potencializam a melhora da postura através do ganho da consciência corporal.

Diminuição das dores nas costas: A redução da pressão intra-abdominal durante todos os exercícios de ginástica hipopressiva faz com que as vértebras se afastem e aumentem os espaços entre elas, e o fortalecimento de músculos profundos (principalmente transverso do abdome e assoalho pélvico) estabiliza a região lombar e dorsal.

– Melhora da performance esportiva: Se você é praticante de exercícios de impacto como a corrida, a ginástica hipopressiva fortalece o core, assim, com estes músculos mais resistentes, a pressão sobre as articulações diminui, principalmente na coluna e nos joelhos. Além de que os riscos de lesões associadas ao esporte diminuem.

ginática hipopressiva no FisioStudio

– Redução da incontinência urinária: Quem disse que é normal ter perda urinária ao tossir, espirrar ou durante a prática esportiva? O enfraquecimento do assoalho pélvico é frequente não apenas em idosos, mas em adultos jovens e ativos. Os exercícios da ginástica hipopressiva fortalecem o assoalho pélvico, prevenindo as disfunções e até mesmo reduzindo a sua incidência.

– Excelente no pré e pós parto: Está insatisfeita com o seu abdome no pós parto? A ginástica hipopressiva surgiu com a Fisioterapia pélvica e é considerada o melhor método de preparação para o parto e na recuperação após 3 meses, sendo aplicado em hospitais e clínica de muitos países em todo o mundo, em poucas sessões é possível observar a diminuição da cintura e abdome mais definido.

Ginástica hipopressiva no FisioStudio

– Redução do prolapso genital: A aspiração abdominal que se produz nas posturas faz com que a bexiga, reto e o útero se recoloquem facilmente para cima, retornando ao seu local de origem.

– Melhora da diástase do abdome: Alteração comum em homens de meia idade e mulheres no pós parto (independente do tipo de parto), na diástase do abdome são contra-indicados os exercícios abdominais clássicos, estes aumentam a pressão intra-abdominal e podem acentuar ainda mais a diástase. Na ginástica hipopressiva a diminuição da pressão no abdome leva a aproximação dos feixes do reto do abdome, estudos comprovam que após a ginástica hipopressiva ocorre a redução da diástase.

ginástica hipopressiva 3

– Aumento da capacidade pulmonar: A respiração associada às posturas aumenta a capacidade dos pulmões, durante os exercícios o padrão respiratório melhora a consciência corporal e leva oxigênio aos músculos com maior efetividade.

A ginástica hipopressiva é realizada por um grupo restrito de profissionais, por isso, se quiser iniciar a terapia, o ideal é contar com a orientação de um profissional devidamente habilitado. Consulte disponibilidade de horários. 4801-3737.